segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Pronto, falei!

Eu sei qual é a principal preocupação do torcedor avaiano: As Barbies. Pronto, falei. Vamos ser honestos. O time do remendão goleou duas "galinhas mortas". Ah, mas o Brusque nos venceu por 3x0. Ora, dentro da casa deles, com aquela baba que mandamos a campo. E o JEC? Bom, o Marcílio Dias mostrou quem é o JEC no momento, mais uma rodada para o técnico deles cair, querem apostar?

Além de ver o rival liderando o campeonato, com o mesmo número de pontos de Metrô e Chape, convenhamos, duas potências, estamos na lanterna e com um clássico pela frente. Então a preocupação é justa, mas temos que analisar as coisas com mais calma.

Eu vi esse filme no ano passado. JECA vencendo o primeiro turno aos 47 minutos do segundo tempo, fazendo carreata e ôba-ôba. Era o melhor time do campeonato, tinha os artilheiros da competição, Lima e Cris e "dava de dedo". Ou seja, chegaram no auge muito cedo.

Em duas rodadas as coisas estarão diferentes. E aviso aos outros times: não deixem o Avaí chegar entre os 4, senão...

ATUALIZAÇÃO: Manchete de instantes atrás: "Treinador Leandro Machado não resiste no comando do JEC" (Errei, não precisou de mais uma rodada!)


5 comentários:

  1. Concordo plenamente deixa eles cantarem vitória e essa imprensa de bosta tripudiar até o fim do campeonato e do ano de 2011 tem muit coisa pra acontecer teremos um 2011 maravilhoso eu tenho certeza.

    ResponderExcluir
  2. Interessante como o Avaí só contrata jogadores cansados e fora de forma. Vê-se nas outras equipes jogadores que vieram de "jégue" da Bahia até São Paulo e de lá pegaram carona com caminhoneiro até Santa Catarina, e quando chegam aquí vestem a camisa e jogam.
    No Avaí o primeiro perguntam se o aeroporto é internacional, precisam de seguranças, e quando entram em campo não jogam nada, estão sempre fora de forma.
    Todo ano é a mesma coisa, quando acerta o time o campeonato está acabando.

    ResponderExcluir
  3. Essa campanha toda, que nasce lá no café com brócolis, possivelmente com alguma simpatia de um conhecido Balneário, tem por finalidade evitar que se repita 2010, ano em que derrubamos todos os prognósticos e fizemos silenciar toneladas de foguetes.

    ResponderExcluir
  4. Também não acho nenhum fim do mundo perder pro Criciúma, lá, por dois a zero.

    O Figueirense está com o mesmo time do ano passado, o que é uma grande vantagem.

    E o nosso estadual, francamente, não é nenhuma potência.

    Tem muita bola pra rolar. Agora, mesmo sem ritmo, sem um time completo e fora de casa não se pode perder aqueles gols do primeiro tempo. Sofremos muito ano passado com isso.

    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Por falar em perda de gols, achei um imbecilidade o Maurício Alves, que me parece bom jogador, quando chegou na frente do goleiro, mesmo sendo canhoto, cortou para o pé direito, e o pior é que o zagueiro o estava perseguindo por aquele lado e saiu com a bola sem o menor esforço.
    Se ele corta para o pé esquerdo ficaria completamente livre pra fazer o gol.
    Será que alguém vai ensinar pra ele?

    ResponderExcluir

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.