domingo, 13 de fevereiro de 2011

Se fizermos as contas...

Um dos piores inícios da história do Avaí, em um campeonato catarinense, nos tirou das semifinais do turno.

Campeonato com nível técnico sofrível, em que começamos com um time "mistão" entre jogadores sub-23 e alguns com mais experiência, tivemos a capacidade de perder as 4 primeiras partidas.

Fica a lição. Se tivéssemos vencido ou Chapecoense ou Imbituba em casa, principalmente este último tínhamos alguma chance de classificação. Bastaria talvez um empate fora de casa ou na própria estreia para carimbar a vaga.

Espero que nos próximos anos não se pense em fazer algo parecido, a não ser que, de fato, se inicie com uma equipe sub-23, que comece a treinar em dezembro e inicie o campeonato com entrosamento e bem fisicamente, e com jogadores motivados, buscando lugar na equipe principal.

No final das contas não ficamos com uma pontuação tão ruim, pra quem não venceu nas primeiras 5 partidas. Quem sabe ainda dê para fazer a maior pontuação no geral. Não é impossível.

Um comentário:

  1. Concordo com tudo, exceto que o campeonato seja de nível ruim. Não, não é. O Avaí é que não se aplicou como devia, pelo porte que tem.

    ResponderExcluir

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.