quarta-feira, 2 de março de 2011

Cartões Amarelos...

Em nove partidas no primeiro turno, o Avaí recebeu 38 cartões amarelos e dois vermelhos, isto é, 40 cartões. Três jogadores foram automaticamente suspensos por terem recebidos três cartões amarelos: Acleisson que jogou 5 partidas, Marquinhos em 6 jogos e Batista 4 em seis jogos.

Chama atenção os números dos jogadores da filial da Tombense. Cinco deles jogaram as onze partidas do turno, sendo que dois deles são volantes, assim como Acleisson e Batista que jogaram a metade dos jogos.

Em apenas nove jogos, o Leão da Ilha recebeu 40 cartões (38 amarelos e 2 vermelhos), já o Tombense em 11 partidas teve apenas 28 cartões, somente amarelos. A média de cartões por jogo do Leão foi de 4,44, enquanto que do Real Madrid do Estreito perfez apenas 2,8 cartões por jogo.

Interessante a economia de cartões para os jogadores do Real Madrid paraguaio, aquele que sai na frente e morre na praia do cagão. Os números demonstram o que é visto nas arbitragens. Na última partida mesmo, expulsou-se o jogador do Cricri, mas na hora de expulsar o Ygor, um dos atletas que jogou as onze partidas, o braço "cansou". Quanta diferença!

5 comentários:

  1. Estás se contradizendo meu caro
    1ºParagrafo = 34 cartões

    3º parágrafo = 40????

    Tem algo que não está certo ai!

    ResponderExcluir
  2. Tens razão! A contagem do primeiro parágrafo foi preliminar, baseada em alguns sites esportivos com informações incompletas. No parágrafo posterior está o número correto, verificado súmula a súmula.

    Esqueci de retornar e alterar os números.

    ResponderExcluir
  3. Eu não acho isso surpreendente, levando em conta que no começo do 1º turno o Avaí se comportou muito mais como time defensivo, correndo atrás do adversário. Já o tombense, quem liga pra eles?

    ResponderExcluir
  4. Temos que considerar, também, que o Luiz Orlando, aquele não tem (?), está se despedindo e a federeca está, claro, preparando o substituto, provavelmente com base nas atuações mais condizentes com as regras. (Da Federeca).

    ResponderExcluir
  5. Esquecesse de falar do jogador deles que deu um jogo de corpo no bandeirinha.
    Se fosse jogador avaiano teriam mandado prender e se fosse o Bruno certamente seria condenado a pena de morte.

    Abs

    ResponderExcluir

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.