quinta-feira, 17 de março de 2011

Concentrar as forças no estadual

Passada a Copa do Brasil... jogamos nossas últimas fichas no estadual. Não é questão matemática. Neste ponto do campeonato, não dá pra excluir nenhum time da disputa do returno.

Quatro times classificam-se para as semifinais e portanto matematicamente todos tem chances. Mas tem o lado moral também. Se não vencermos em Imbituba a situação fica crítica, moralmente falando.

O aumento de rendimento do time é pra ontem. Ironicamente, no jogo em que melhoramos, contra o Criciúma, não vencemos, daí era preferível ter jogado mal e ter vencido.

Silas deve mudar mais alguma coisa. Se tirou Zé Carlos, Leonardo e Geroge Lucas seguem contestados e podem ser os próximos a perde lugar no time.

Já defendi Diogo Orlando aqui, mas ontem, em especial, ele apresentou muita dificuldade no passe e quando não erra coloca a bola na dividida para os companheiros. É o típico caso da falta de treinamento.

William deve reassumir a titularidade e quem sabe Marquinhos Gabriel ou Estrada joguem ao lado de Marquinhos Santos.

Mesmo que sejam muitas mudanças acho que elas vem em boa hora, pois no estadual dá pra fazer testes, mais adiante,no Brasileirão, é que o bicho pega.

Um comentário:

  1. Queres o Estrada no time, eu também quero, e só tem uma chance de ele ser titular, é entrar pra religião do Silas.
    Time que só joga amiguinho do técnico, a gente já sabe onde vai parar.

    ResponderExcluir

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.