segunda-feira, 14 de março de 2011

Foi frustrante

O empate em 2x2, na noite de ontem, depois de estar vencendo por 2x0 foi péssimo para nossas pretensões.

A claudicante atuação contra o Brusque nos deixava uma grande incerteza para a partida de ontem. E ela se confirmou com o empate.

Jogamos melhor do que contra a equipe do marreco, no entanto não foi suficiente. Nossos erros na defesa continuam, e não foi só nas duas falhas de Zé Carlos. A primeira incontestável e a segunda com ponderações.

Ponderações? Sim, chute forte, com curva, bola molhada e que quicou antes. Primeiro que Marcinho não poderia ter deixado o jogador do Cri-Cri chutar. Depois que Zé Carlos não poderia tentar segurar a bola, era espalmar para qualquer lado. E ainda, jogando com três zagueiros, ninguém correu para o rebote? Então no final falhou todo o setor defensivo.

O treinador.

Silas já admitiu que não treinou o 3-5-2 naquele intervalo entre 1º e 2º turno. Então porque insistir? O time ficaria mais equilibrado com o 4-4-2.

Vejam só: Julinho e George Lucas. O primeiro é bem jovem, folgado, ousado, parte pra cima, não tem medo de cara feia e tem grande disposição física. Faz bem o "vai-vem". O segundo é jogador mais cadenciado. Dificilmente passa do meio de campo, não vai à linha de fundo, então não tem características de ala. Então são talhados para o 4-4-2.

Se Silas assistir ao vídeo de George Lucas, aquele das assistências, não verá jogadas de linha de fundo. Ele lança da intermediária, repito, não é ala!

A defesa continua batendo cabeça. Tira um zagueiro, coloca dois homens de marcação (já tem) e dois meias de ligação. Aparentemente o outro cara a jogar com Marquinhos seria ou Estrada ou Marquinhos Gabriel. No ataque é fácil: William e Rafa Coelho, ou na ausência de um dos dois Evando.

Não falei na dupla de zaga. Insistiria em Leonardo e mais Cássio ou Emerson Nunes. Talvez mudando o esquema Leonardo renda mais, ou Gian no lugar dele. Também não foi tão mal assim para ser sacado e não ter mais chances.

Arrumar o time não é difícil. Na próxima rodada temos que vencer para continuar com chances. Se não acontecer daí é focar totalmente na Copa do Brasil e começar a limpa do elenco visando o Brasileirão.

6 comentários:

  1. Bom dia,

    A muito tempo é notavel que não temos um goleiro que possamos confiar, este que está ai não tem vaga no time do Avai é so contar suas falhas o Zé Carlos falhou em quase 2 anos muito mais que Eduardo martini durante todo o tempo em que estava defendendo o gol do Avai.
    O velho ditado "Um grande time sempre começa por um grande goleiro" é muito valido nessas horas, e com o Zé Carlos estamos muito mal. Ele é estabanado, atabalhoado pareçe um peladeiro.

    É Importante dizer que ninguem no time do Avai está jogando. O Marquinhos não está bem, pouco apareçe para o jogo, e fica cobrando aquelas faltas que nunca dão em nada. O Marquinhos é a referencia deste time temos que cobrar que ele assuma sua posição como grande Idolo e começe a jogar.

    Esse time do Avai me pareçe melhor do que o time que tinhamos no ano passado da pra chegar mas os caras já tiveram tempo....

    ResponderExcluir
  2. Nenhum comentário sobre o gol mal anulado do Criciuma e a expulsão forçada..não imaginei que encontraria neste blog...

    ResponderExcluir
  3. Eu acho que o Avai, na verdade, vem melhorando, mas numa cadência homeopática e, nesse ritmo, o campeonato acaba antes de o time jogar alguma coisa.
    O que eu vi ontem na Ressacada foi o Criciúma jogando bem quando tinha a bola, tocando com qualidade e, sem muita marcação e defendo-se muito bem quando não tinha a bola. E o Avai?
    O Avai se defendia mal e saia no chutão, pelo menos na maioria das vezes, rifando a bola e entregando pro adversário jogar.
    Como é que se faz um meio campo com seis jogadores e este meio não consegue jogar?
    Jogamos mais de quarenta minutos com um jogador a mais, lançando bolas na área adversária, com dois jogadores embolados no meio.
    Ficou muiro claro que o Estrada tem que jogar e que as substituições têm que ser feitas mais cedo, principalmente, quando se tem um jogador a mais.
    Ficou, também, bastante claro, que precisamos de um goleiro de verdade e de zagueiros, além de mais um centroavante bom.
    Há três possibilidades com o Zé Carlos.

    1° O treinador de goleiros que, me parece, só está lá pra aquecer goleiro, tem que ensinar o Zé a sair do gol.
    2° Proibir o Zé de jogar contra o Criciúma, porque ele sempre entrega, e acho que a diretoria ainda não viu isso, só a torcida e a imprensa.
    3º Mandar esse frangueiro embora.

    Tá na hora de dar uma porrada na mesa, procurar e descobrir quem quer, realmente, jogar no Avai e começar a fazer uma limpa, visando contratações já pra Série A; claro, se essa limpa não atrapalhar a participação na Copa do Brasil.
    Boa parte das dificuldades que estamos presenciando é devido ao desmanche do time do ano passado, com a promessa de fazer um time melhor, mas isso só existe no papel, e o papel não joga.
    Os que mantiveram boa parte do time anterior estão bem, será que a diretoria notou isso?

    ResponderExcluir
  4. frustante é tu dizer que continuaria a usar o leonardo..

    o cara é uma naba.. só faz merda.. e quando nao ta viajando ta fazendo falta na boca da aerea..

    HORRIVEL

    ResponderExcluir
  5. faço coro com o vinicius, o leonardo não se antecipa ao atacante, é faltoso, péssimo de posicionamento, péssimo na bola área, simplesmente horrível.
    o zagueiro do meu time de veteranos dá de dez nele.

    ResponderExcluir
  6. EL POLLO LOCO, queres um comentário sobre o gol mal anulado do Criciúma? Pois está feito, foi mal anulado mesmo. Quanto à expulsão forçada, se na passagem do Marquinhos pelo zagueiro ele foi tocado, a expulsão foi correta, se não foi a expulasão foi forçada mesmo. Agora diz alguma coisa dos quatro gols mal anulados do Avaí no primeiro turno, um inclusive contra o próprio Criciúma. - Roberto Costa

    ResponderExcluir

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.