quarta-feira, 20 de abril de 2011

Agora é clássico, contra tudo e contra todos

Copa do Brasil é passado. A partir de agora é apoio incondicional ao Avaí. Quando digo ao Avaí, quero dizer, à Silas, Mauro Galvão, a Diogo Orlando, e a todos que nos representam.

Nossa missão é muito difícil, vamos enfrentar o time preferido do Presidente da Federação, com o árbitro que é o maior inimigo do Avaí há alguns anos, com uma folha corrida enorme contra nós.

Vamos dar uma trégua, qualquer coisa que dissermos contra o Avaí até domingo só dará força ao adversário e enfraquecerá o nosso time.

O empate não nos servirá, simplesmente nos eliminará do campeonato e daremos o adeus ao sonho do tri. Mas temos que jogar com calma. Basta 1x0, sem pressa, mas sem se descuidar durante um segundo sequer.

Espero uma atitude diferente da torcida avaiana em relação ao último clássico. Me refiro às vaias ao Diogo Orlando. Não é mais hora de fazer isso. O jogador está ali fazendo seu melhor, jogando em posição que não é a sua, pois é primeiro homem de marcação e não segundo.

Assim como o jovem Felipe que de atacante virou lateral direito. Temos que assimilar, que se não estamos jogando bonito, temos conseguido nossos objetivos.

Nos classificamos para a semifinal do returno e passamos de fase na Copa do Brasil, bem ou mal, já melhoramos. Não estamos jogando o fino da bola, mas melhoramos sim.

E domingo não vai interessar jogar bem ou mal, o que interessará mesmo no final é a vitória. Vamos transmitir o máximo de energia positiva aos jogadores. Não estou falando de coisas místicas não, me refiro a comentários em comunidades e blogs, este é o momento do carinho e de dizer aos jogadores.

GUERREIROS, ACREDITAMOS EM VOCÊS!

3 comentários:

  1. Quem começou a confusão foi o time do Botafogo, especificamente Loco Abreu. Observe depois do gol do Botafogo que o Loco Abreu xinga alguém do Avaí ou até mesmo a Torcida.
    No final da partida este desequilibrado partiu para cima de Marquinhos, que iria ser atingido pelas costas quando já estava indo para o vestiário.
    O Herrera pisou no Marquinhos caído, obvio que o Bruno e o Rafael Coelho não iam deixar seus companheiros apanhar.
    O Avaí que abra o olho, pois a imprensa carioca é muito influente e a CBF fica no Rio de Janeiro.
    Abramos o olho, pois nossa imprensa é muito Maria-vai-com-as-outras!!!

    ResponderExcluir
  2. Quem começou a confusão foi o time do Botafogo, especificamente Loco Abreu. Observe depois do gol do Botafogo que o Loco Abreu xinga alguém do Avaí ou até mesmo a Torcida.
    No final da partida este desequilibrado partiu para cima de Marquinhos, que iria ser atingido pelas costas quando já estava indo para o vestiário.
    O Herrera pisou no Marquinhos caído, obvio que o Bruno e o Rafael Coelho não iam deixar seus companheiros apanhar.
    O Avaí que abra o olho, pois a imprensa carioca é muito influente e a CBF fica no Rio de Janeiro.
    Abramos o olho, pois nossa imprensa é muito Maria-vai-com-as-outras!!!

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente.
    Inclusive, estou achando que como precisamos ganhar, o Silas jogará com, apenas, três volantes, tornando nosso time muito, muito mais ofensivo.
    Só a vitória nos interessa, e ao Silas também, porque acredito que com uma derrota ele seja mandado embora.
    É bom lembrar que o Diogo Orlando vem jogando bem.
    Não há porque vaiar, temos é que apoiar até o último segundo do jogo, porque, repito, precisamos ganhar, pra classificar, pra mostrar quem somos nós nesse campeonato, pra sermos tricampeões, pra manter o Avai como um grande time deste Estado, pra podermos zoar um pouquinho das pessoas que escolhem mal o time que torcem.
    Vamo, vamo Avai! É nóis na final!

    ResponderExcluir

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.