quinta-feira, 21 de abril de 2011

Bruno é um exemplo

Ah, típico título de postagem pra despertar o interesse do leitor. O jogador Bruno, na minha modesta opinião, foi o melhor em campo no jogo de ontem. 

Foi perfeito, antecipou, ganhou divididas, saiu jogando, foi um verdadeiro monstro. Naquela posição, como zagueiro, Bruno teve as melhores atuações no ano pelo Avaí.

Mas o Bruno nós conhecemos, já fez muitas besteiras com a camisa avaiana, falo principalmente das expulsões em hora inoportunas.

O Bruno de ontem, eu quero ver com a nossa camisa sempre. O Bruno de ontem, tem tudo para ser um dos grandes nomes do clássico, de maneira positiva.

Espero que Célio Amorim não seja preconceituoso, e fique lembrando da expulsão de Bruno em Chapecó. Que seja profissional, apesar dos árbitros serem amadores.

5 comentários:

  1. Concordo. O único a roubar bolas e sair com elas com categoria e não com aqueles chutões irritantes. Marcinho Guerreiro também foi muito bem. O que falta é o Marquinhos jogar um pouco mais, o Gian não subir tanto e o Renan não sair tanto do gol...E a torcida apoiar mais e deixar de tirar jogador "para cristo".

    ResponderExcluir
  2. Melhor em campo foi o marquinhos, disparado, e tem gente que acha que ele não jogou nada, e o Diego Orlando é um bom jogador,

    "Misericórdia"

    ResponderExcluir
  3. Rogério, acompanho seu blog diariamente desde a época de seu pai, este será meu primeiro comentário, espero que de muitos que virão, rs. O que me motivou a comentar agora é que concordo plenamente com você, estava pensando e falando isso no jogo mesmo, este jogador que foi massacrado pela imprensa e parte dos torcedores, foi um verdadeiro leão em campo, não perdeu uma bola, sinceramente, me lembrou o Emerson, salvo as devidas proporções, mas lembrou, com muita raça, aplicação e repito não perdeu uma dividida, se antecipava e roubava todas as bolas. Passou segurança ao goleiro e ao time.

    ResponderExcluir
  4. Rogério,
    Bom ver estes comentários de apoio aos jogadores contestados do Avaí.
    Ontem me irritei profundamente com alguns torcedores que vão para lá resolver suas frustrações pessoais, xingar alguns jogadores e encher o saco do verdadeiro torcedor.
    Diogo Orlando ontem, na minha opinião, fez uma boa partida. Bruno, assim como em outros jogos, também.
    Lembro que Leonardo e David, queimados com esses "torcedores", hoje estão arrebentando no Coritiba.
    Por fim, isso tudo tem início com comentários da imprensa, em especial do Miguel Livramento, que queimou os jogadores acima e tenta queimar ainda Maurício Alves e Marquinhos Gabriel.
    Já passou da hora do torcedor avaiano deixar de burrice e parar de ser papagaio dos comentaristas da RBS.
    Durante o jogo, torcida apóia seu time e vaia o adversário, e não o contrário.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  5. Bruno é bom jogador, pena que tem piava na cabeça. Espero que ele cresça e apenas jogue em campo, deixando de dar aquelas entradas.
    O Bruno assumiu que errou, agora é a hora do Célio Amorim assumir que realmente é FRACO e deixar de palhaçada contra o AVAÍ.

    Um comentário a parte: Hoje ouvi debate CBN e o paulista safado já condenou o Marquinho como responsável pela briga de ontem.
    Marquinho, responda dentro de campo, tu és craque e ele tem inveja por defenderes o Avaí.

    Fábio

    ResponderExcluir

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.