terça-feira, 19 de abril de 2011

Ingressos, um calo que dói

Bem rápido. Não vou mãe aprofundar na questão, mas alguém tem que explicar ao Miguel Livramento que existem os ingressos para estudantes. Pedir ingressos a R$ 30,00 para o jogo contra o Botafogo significa, na prática, que os ingressos custariam R$ 15,00.

Gostaria que ele mostrasse a diretoria do Avaí como se disputa 3 competições em um ano, pagando todas as despesas, com ingressos a R$ 15,00 em grande parte do estádio. E não esqueçam ainda que estes R$ 15,00 não entram em sua totalidade nos cofres do clube, já que são pagas várias taxas.

Com a palavra o expert em economia Miguel Livramento.

Ah, mas que a diretoria tem que ter um plano de emergência para sócios e não sócios no Brasileirão, ah, isso tem. Estádio vazio não está com nada, ou melhor, está, com espaços vazios...

9 comentários:

  1. nao pode ser trinta, mas também 50 é dose. Faz 40 ( 20 a meia ), assim ja ia uma raça. E mesmo que fosse 30 ( 15 ) , ia bem mais gente o que compensaria o ingresso mais barato.

    ResponderExcluir
  2. Dói mais ainda no torcedor que deixa de acompanhar um momento histórico do clube

    Sou aluno universitário e não tenho nenhum desconto no pagamento de minhas mensalidades... Na própria UFSC conheço vários potenciais torcedores, aqueles que tem curiosidade de assistir um jogo na torcida do leão e não vão pelo preço que não é nada atraente

    Pelo que ouvi dos comentários do miguel ele sugeriu 30 reais atrás do gol, mas creio que uma promoção no setor D era o mais conveniente, pois tem apresentado bastante espaço disponível desde as ampliação

    ResponderExcluir
  3. Mas não daria pra diretoria limitar esse número de ingressos para estudantes?

    Acredito que tenha alguma lei determinando a quantidade de ingressos mínima para estudantes, mas também o Avaí não é obrigado a vender ingressos estudante enquanto houverem locais vagos na Ressacada.

    Sei lá, é só uma ideia.

    Abraços
    Rodrigo Pons

    ResponderExcluir
  4. Em algum momento a conta da trapalhada do preço dos ingressos vai ter que ser paga. Neste momento, inevitavelmente, o Avaí vai perder dinheiro. Mas pode ser um passo atrás para dois na frente.

    Tem que haver um reconhecimento público da falha por parte da diretoria e um projeto para trazer o torcedor de volta.

    Perder dinheiro com os ingressos agora talvez seja a única forma de voltarmos a ser uma marcar que nos renda mais dinheiro em outros setores, como televisão e patrocínio.

    A questão, agora é estratégica, e não matemática.

    ResponderExcluir
  5. Ingresso atrás do gol R$40 inteira R$20 meia... R$50 é roubo!!!
    se fizessem uma associação mais em conta sem exploração a ressacada estaria mais cheia. Mensalidade atrás do gol tem que ser R$40(esta(50) no máximo.... no Setor D R$70(esta R$90)...

    ResponderExcluir
  6. R$ 30,00 esta muito bem pago !!! de que adianta a ressacada vazia, sem público, e ver o Avaí perdendo....hoje sabe-se muito bem, que não é renda que mantem um time, se fosse assim, pela renda, não seria vendido a campeonato catarinense por esta micharia.....

    ResponderExcluir
  7. Rogério, concordo que não dá para fazer futebol de graça e que o clube tem suas obrigações com fornecedores, funcionários, atletas... agora dizer que botar o ingresso a 30,00 quer dizer que sairá na verdade a 15,00 é um pouco de exagero... eu sou estudante mas sou sócio, porém minha namorada ia comigo ao estádio antigamente, então sei do que estou falando... Primeiro que há uma carga de ingressos para estudantes... só uma parte é reservada à eles... segundo, só quem realmente é estudante que paga meia, não existe mais aquelas falcatruas pois você leva o comprovante de matrícula, eles verificam através de um computador que fica na cabine e depois imprimem o ingresso nominal... Então não tem mais história de com uma carteira de estudante passar meia dúzia...
    E o Matheus e o Leonel estão certos... muita gente nem experimenta ir porque o valor é absurdo... Em São Januário é R$ 10,00, no Engenhão é R$ 10,00... E não tem essa história de que põe muita gnete... SJ tem capacidade pouca maior que a nossa... Eu não quero a R$ 10,00... sei que não dá pra montar time, mas que precisa ser revisto o valor isso precisa... Também precisamos que o Presidente da associação de Clubes (nosso querido JNZ) na próxima vez que for negociar valores de TV faça uma pressão maior por mais dinheiro... aceite a proposta da RIC (que paga mais aos clubes e transmite em horário descente)... a desculpa foi que a RBS tinha mais meios de publicidade e coisa e tal... mas não é uma propaganda da campanha de sócios que chama gente ao estádio e sim time competitivo, horários descentes, preço de ingresso acessível...

    Abraço,

    ResponderExcluir
  8. Não vou fazer uma análise dos borderôs por falta de tempo, mas se não me engano 95% dos ingressos vendidos são para estudantes. Os ingressos "inteiros" tem uma venda ridícula, o cara que não é mais estudante geralmente é associado.

    Então está claro que a questão da associaçao para estudante tem que ser olhada com carinho.

    abraço

    Rogério

    ResponderExcluir
  9. Rogerio,

    Acho como todos que a política adotada para ingressos é no mínimo europeia, tentanram elitizar nossa popular e afastaram aqueles que eram sócios atrás do gol, a ressacada em 2008 e 2009 era linda no nosso primeiro ano de serie A como bem sabes estava morando fora e por várias vezes ouvi elogios da TV quanto ao nosso público e comportamento da torcida, essa que ganhou vários jogos na ressacada, bom sou do partido que temos que setorizar a ressacada existem lugares dentro dela totalmente obsoletos como o setor D um elefante branco que ninguem vai lá, porque não criar um valor justo para esse setor e onde não tem cobertura fazer uma associação mais barata para termos devolta o caldeirão.
    Tenho vários amigos que trocaram suas carteiras de sócios pelo PPV porque para levar a familia hoje na ressacada está complicado preço de cirqe du soleil pra ver....

    ResponderExcluir

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.