domingo, 15 de maio de 2011

Derrota da sociedade

Hoje tem o 2º jogo da final do Campeonato Mineiro entre Cruzeiro e Atlético-MG. A exemplo da primeira partida, vencida pelo Galo, só vai entrar no Estádio a torcida de um dos clubes, hoje a do Cruzeiro.

Vi os comentários sobre este assunto ontem na Sportv. Os comentaristas de São Paulo e o repórter de Minas lamentavam a situação.

O profissional mineiro disse algo, mais ou menos assim, que eu concordo plenamente. "A situação é absurda, é problema da PM cuidar das torcidas, dar segurança e não deixar que os baderneiros vençam".

Eu acho uma derrota social. Uma típica situação em que o Estado demonstra fraqueza, e que deixa toda uma população insegura.

Espero que este dia nunca chegue até aqui. Se situação semelhante ocorrer em nosso Estado vou interpretar como o início da morte do futebol como diversão e lazer. Temos que cobrar do Governo do Estado que nunca se renda aos bandidos. A segurança pública é dever do Estado, em Minas Gerais o que houve foi uma rendição, não tiveram competência de dar segurança ao cidadão e fortaleceram com essa atitude os bandidos que devem estar pensando "não podem contra nós".

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.