segunda-feira, 30 de maio de 2011

A matemática do Galvão

Disse Mauro Galvão há alguma semanas atrás que o Avaí traria 4 ou 5 jogadores para serem titulares.

Vou trabalhar com o número de 5, porque acho que na época era o mínimo que precisávamos para encarar o início do Brasileirão.

No entanto, perdemos Marquinhos, então este número agora ficaria em 6. Mas vamos perder Renan, e o número tem que transformar-se em 7.

Dizem que Julinho não sai, e que William nem propostas tem. Então vamos parar em 7 mesmo. O problema é que são 7 contratações para serem titulares.

Fábio Santos chegou e talvez tenha condições de ser titular. O gol que fez no sábado foi de grande categoria.

Daí precisamos de mais 6 jogadores. O outro contratado foi Robinho, e esse é um caso a parte. Não será titular, portanto ainda continuamos com o número de 6 jogadores.

O que pergunto é o seguinte: já existem os nomes a serem contratados? A diretoria avaiana já passou o orçamento a Galvão? "Olha Galvão, podes contratar 3 jogadores de 5 mil, dois de 3 mil e um de 10 mil, ok?".

Ou Galvão está tateando no escuro? Sabe ele quais jogadores pode contratar?

O fato é que demoramos, sofremos um baque com a saída da Copa do Brasil e estamos atrasados em tudo.

Coloco muita coisa na conta de Mauro Galvão, mas este é empregado do Clube. A culpa mesmo é de quem o contratou e agora não dá respaldo. A culpa é da diretoria.

2 comentários:

  1. Nunca tive bola de cristal e nem sou o dono da verdade, mas quando no inicio do ano aqui mesmo critiquei a vinda de Mauro Galvao, me criticaram. Critiquei a vinda dele na epoca, pois só perdeu como dirigente em todos os clubes que passou e pensei: Vc contrataria para a sua empresa alguem que nao trabalhou bem em outras. Pois ai esta o trabalho dele ! O mesmo de outros clubes !
    Vamos um pouco mais alem ok: E o Silas ???? Qual bom trabalho fez depois de sua saida do nosso Avai ???? Ah, mas é idolo aqui ! Para pô ! O time do Avai em 2008 e 2009 era tao bom que com qualquer tecnico iria muito bem e ele esta quebrando o Avai com suas invecoes. Esta é a verdade. Pois, na minha empresa ele tambem nao trabalharia !!!!
    A mudanca tem de vir agora, pois senao no ano que vem serao 3.000 + a Mancha novamente e ninguem, ninguem mesmo quer ver isto acontecer mais. Nunca mais !

    Marcelo Alves

    ResponderExcluir
  2. O Clube Avaí é administardo com esmêro, a evolução patrimonial é incontestável e confirma isso, mas o futebol do Clube é administardo por crise. No futebol nossa diretoria corre para sanar, ao invés de programar, de prevenir. Gostamos de começar precáriamente, com improvisações, e seguimos até o limite, ultrapassado esse limite então a correria, a solução de afogadilho, o desespero, as oportunidades perdidas, as glórias possíveis fugindo por entre os dedos.
    A fórmula da mudança é simples, um time bem estrurado para o Estadual e aprimoramento dessa base para o que vier depois, copa do Brasil, Brasileiro, etc. O problema é que já improvisamos no Estadual, então, eis o resultado, fracassamos em tudo. - Roberto Costa

    ResponderExcluir

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.