segunda-feira, 13 de junho de 2011

"Era Gallo"? Só amanhã

Está programada para amanhã a chegada do técnico Gallo à Ressacada. Ao contrário das informações da imprensa que indicavam a presença dele no jogo de sábado.

Fui buscar algumas informações sobre o técnico Gallo. Antes um adendo, tudo que vem de ruim, em relação ao nosso novo treinador, lá pelas bandas do Remendão tem uma carga de vingança grande.

Sim, pois Alexandre Gallo foi campeão estadual pelo time do estreito, mas daí na segunda rodada do Brasileirão recebeu uma proposta do Atlético-MG causando revolta à torcida e diretoria barbie, como se não fosse uma coisa corriqueira no futebol...

Voltando as informações que colhi junto a um torcedor do Náutico, clube em que Gallo também trabalhou, consegui saber algumas coisas sobre ele, daí cabe ao leitor do blog avaliar se são positivas ou negativas.

Primeiro o torcedor do "Timbu" me disse que é um cara muito respeitado pelos atletas, que goza de grande prestígio dos jogadores que comanda por ser um técnico amigo mas que cobra muito, não admite preguiça em campo, atrasos em treinos e não é do estilo "passar a mão na cabeça". Ponto pra ele.

E em segundo lugar descobri que é um técnico que cobra muito também das diretorias dos clubes em que passa. Exige condições de trabalho. Por "condições de trabalho" quero dizer que as deficiências em relação a atletas sejam supridas.

Um fator que destaco é que compararam Gallo a Silas, como tendo perfis parecidos, inclusive no quesito experiência. Lembrem que Silas foi para o Catar, dizendo que era a chance de iniciar uma carreira internacional. Então enquanto Silas está indo, Gallo, literalmente já está voltando, pois já dirigiu um time no Japão e outro no Catar.

Além disso, pelo menos no quesito quantidade de clubes que dirigiu e tempo de carreira, Gallo também supera Silas.

Claro que todos os tipos de comparações são perigosas. Claro que estou tentando me apegar em dados frios, querendo acreditar que Gallo é nosso salvador da pátria, é até natural isso.

Só não posso é, simplesmente pelo fato dele ter dirigido as barbies cravar isso como fator fundamental para contestar a contratação dele.

Engraçado é que Adilson Batista e Dorival Júnior, que são treinadores que já trabalharam por lá, sempre são lembrados para treinar o Avaí, por alguns torcedores. Ah Rogério não queres comparar os dois não é mesmo? Não, estão um patamar acima é claro, mas daí todo mundo esquece este fato.

Por falar em Adilson e Dorival, perguntem aos torcedores dos seus times se estão contentes com ele? E Rene Simões que também é sonho de consumo de torcedores avaianos, perguntem a torcida do Bahia o que acham dele? Perguntem ao torcedor do Flamengo se está feliz com o Luxa?

A diferença entre o treinador bom e o ruim é uma só: os resultados conseguidos em campom então Gallo no momento não é pior nem melhor do que nenhum treinador do Avaí, o dia que ele sair do Avaí poderemos avaliar.

Um comentário:

  1. Boa sorte com o Gallo, vão precisar...

    Ele ganhou o catarinense na cagada, campanha bisonha do time, a torcida fez de tudo para ele ir embora a diretoria não queria, provavelmente a multa para demitir ele era grande, por sorte algum outro time quis ele e a diretoria liberou.

    Abraços.

    ResponderExcluir

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.