quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Procura por atacante continua?

O atacante que o Avaí precisa sempre esteve na Ressacada: William Batoré. No entanto, acho que não se esforçaram, a partir do ano passado, umas 10 rodadas antes de terminar o campeonato, em acertar a permanência dele para 2012.

Daí deu no que deu... e agora a situação ficou insustentável, com o monte de besteiras que Batoré falou jogando m.... no ventilador, falando do caráter do Presidente e etc.

Vi nos últimos anos o Avaí perdendo ótimos jogadores porque demora para se definir, nem vou ficar tocando em nomes aqui, a lista é muito grande, mas o fato é que agora vamos ver a "novela nº 2" acontecer. Já temos a do camisa 10, que falei hoje, e agora do atacante.

O time do estreito, por mais que falemos mal deles, conseguiu segurar seu principal atacante, pelo menos por hora. William que tem contrato até 2013, e pode até permanecer, apesar de não ter mais clima, aceitou o assédio do pequeno, mas competente, Atlético-GO.

E as histórias se repetem na Ressacada, não conseguimos segurar ninguém, mesmo com contrato em vigência...

3 comentários:

  1. Pois é meu caro. Por essas e outras é que o ciclo do Tio Zuza está chegando ao fim...só não vê quem não quer...
    É trapalhada atrás de trapalhada...

    ResponderExcluir
  2. Pois é meu caro.
    Nos últimos dois anos, foram uma sucessão de erros dessa Diretoria, que resultou no rebaixamento em 2011.
    O presidente, apesar de bem intencionado, não entende de futebol. De gestão empresarial, pode até entender. Mas, quando atua na área futebolística é fraco.
    Por isso, talvez o ciclo dele esteja acabando.
    Todas essas trapalhadas, inclusive esse episódio do William, são culpas do gestor maior...que não tem pulso firme e nem enxerga os problemas do time.

    ResponderExcluir

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.