segunda-feira, 16 de abril de 2012

Eu não acreditava mais

Quem acompanha o Elite sabe que eu joguei a toalha após a vergonhosa derrota para o time do Camboriú. Naquele dia precisávamos vencer uma equipe inferior tecnicamente, com menos recursos financeiros, nenhuma tradição e pior posicionada na tabela. Tínhamos o apoio do nosso torcedor e... perdemos de forma ridícula.

Ali os jogadores decidiram pela não permanência de Mauro Ovelha, e ali os jogadores começaram a virada. Ovelha saiu, Hemerson Maria começou seu trabalho.

Desencantamos contra o Marcílio Dias, até aí nada demais, todo mundo venceu o Marinheiro. Tivemos grande atuação no clássico, vencemos o JEC sem muitos sustos e, fomos à Blumenau, demos as cartas e terminamos a classificação geral na 3ª colocação.

Algo inimaginável após a tal derrota para o Camboriú, mérito de Hemerson Maria e seus comandados. Agora, como o próprio treinador já disse o Avaí ambiciona mais, como tem que ser. Queremos o título, e para isso temos que eliminar a Chapecoense para irmos à final.

O adversário não temos ainda, mas não importa, o título do estadual pode ser a chave para termos um ano melhor do que esperávamos, culminando com uma grande campanha na Série B, basta algumas pessoas lá de dentro do Avaí, que nada entendem de futebol, não atrapalharem. 

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Comentários anônimos serão excluídos. Sugere-se a utilização das demais formas de identificação disponível.